Tel: (67) 3025-2325 Celular: (67) 99911-8883 R. Antonio Maria Coelho, 3277 - Jd. dos Estados

POLIMIALGIA REUMÁTICA

É uma enfermidade que acomete pessoas acima de 50 anos, causando fraqueza e dor no pescoço, ombros e quadris. A rigidez pode ser tão intensa que pode incapacitar o doente, Outros sintomas incluem: fadiga, perda de peso, febre, dores articulares, falta de apetite, entre outros.

 

A causa da doença ainda é desconhecida, no entanto a alta incidência com a idade sugere que esteja de alguma forma relacionado com o processo de envelhecimento. 

Polimialgia reumática acontece duas vezes mais em mulheres que em homens. 

 

O diagnóstico depende da experiência do médico e é baseado em critérios clínicos, e infelizmente, não há nenhum teste que faça o diagnóstico em todos os pacientes. Outras condições que podem causar sintomas semelhantes devem ser excluídas antes de se afirmar com certeza. O diagnóstico de Polimialgia é sugestivo quando há indícios na história e exame físico, e uma alteração importante do exame de velocidade de hemossedimentação (VHS).

 

O tratamento visa aliviar os sintomas, e prevenir complicações. O medicamento mais utilizado é o corticosteroide, como a Predinisona. Normalmente, os pacientes com Polimialgia respondem muito bem à pequenas doses. O tratamento freqüentemente se estende por dois anos ou mais tempo. E em alguns pacientes, o uso de imunossupresores pode ser necessário. Seja qual for o tratamento utilizado deve ser lembrado que estamos diante de um paciente idoso e, o uso de qualquer medicamento deve ser feito com cuidado.

 

Autor: Dr. Alex Magno Coelho Horimoto

 

Reumatologista / MS

 

Adaptado de texto da Arthritis Foundation.

 

ww.arthritis.org

 

 Atenção: as informações contidas neste site têm caráter informativo e não devem ser utilizadas para realizar auto-diagnóstico, auto-tratamento ou auto-medicação. Em caso de dúvidas, o médico deverá ser consultado.

Quero mais informações

Quero receber o retorno por: